Em cartaz #18: The Grand Budapest Hotel

Atenção, esse post vai ser comprido!

Eu finalmente consegui assistir The Grand Budapest Hotel! Sei que o lançamento já foi há um tempão e ele já estava nos cinemas em muitas cidades, mas não aqui em Juiz de Fora. Estava resistindo muito a assistir pelo computador porque no fundinho eu tinha esperanças de que ele viesse pra cá. E valeu a pena esperar, os cinemas dessa cidade não me decepcionaram dessa vez!

Pra quem ainda não conhece, o filme foi dirigido pelo Wes Anderson – por isso toda essa minha empolgação – e conta a história de Gustave H, um lendário concierge em um famoso hotel europeu no período entre guerras, e Zero Moustafa, o mensageiro – the lobby boy! -, que acaba se tornando um amigo muito fiel. O trailer vai contar melhor do que eu!

Na verdade, antes mesmo de assistir ao trailer, eu vi o cartaz. Achei maravilhoso de cara, bem Wes Anderson e me deixou super curiosa! Achei que ele valorizaram muito o hotel. Ao mesmo tempo que dá a sensação de ser uma miniatura, podemos ter um vislumbre de quão grande e majestoso era o hotel.

(Agora, depois de postar, notei que o hotel muda de tamanho dependendo do cartaz. Ele está bem maior no segundo do que nesse primeiro!)

 photo ghboficiais2_zps10816e4c.jpg
 photo ghboficiais3_zps475771b8.jpg

Apesar de estar dentro do que costumamos ver no trabalho do Wes Anderson, achei que esses abaixo foram bem ousados pra cartazes oficiais. Confesso que não gostei muito dos vermelhos, achei que foi informação demais pra um cartaz só. Já o outro mais estilizado, ficou bem interessante, apesar de que não sei se tem muito a ver com a vibe do filme. São bonitos, mas não trocaria nenhum por esses com a foto do hotel.

 photo ghboficiais4_zpsad209e65.jpg
 photo ghboficiais5_zps55134be8.jpg
 photo ghboficiais1_zpsdb10f878.jpg

Já esses aqui debaixo eu adorei. Apesar da cara deles estar com efeitos mil, o que parece meio desnecessário pra mim, eu adoraria tê-los não como cartazes, mas como cartõezinhos pequenos, sabe? Como se fossem cartas de jogo. Aloka, haha, mas sei lá, quando vi foi a primeira coisa que me veio na cabeça. Imaginem um jogo de memória com eles? Seria super legal! Wes Anderson, estou te dando uma ideia maravilhosa! Invista!

Detalhe para Tilda Swinton que ficou totalmente transformada! Como já era de se esperar, toda a caracterização dos personagens é feita com muito cuidado e detalhe – como toda a arte do filme – mas a Tilda me impressionou!

 photo gbh1_zps9152da6b.jpg

 photo gbh2_zps8f9eb1e7.jpg

 photo gbh3_zps723ff6e8.jpg

 photo gbh4_zps47eca90b.jpg

Eu disse que o post iria ser grande porque com um filme tão badalado, claro que existem muitas versões alternativas para os cartazes feitas pelos fãs e eu não queria deixá-los de fora.

O que eu acho mais legal neles é que são criados a partir de objetos meio “coadjuvantes” no filme, que não são, digamos, evidenciados, embora façam parte da história, como as caixinhas de doce Mendel´s, os uniformes, os chapéus, as chaves, as malas…

 photo ghbalt2_zps81853add.jpg Joris Laquittant

 photo ghbalt5_zps1df174a1.jpgConor Langton

 photo sl-tgbh-final_zps644e5a4f.pngRachel Sinclair

 photo ghbalt1_zpsa7f8c5ff.jpgGian Bautista

 photo grand-budapest-hotel_zps0dfe8e17.jpgThomas Walker

 photo ghbalt6_zpsa61806ce.jpgJake Rowless

 photo gbh-pecourt_zps8b41ca08.jpgMaxime Pecourt

 photo ghbalt3_zps7f2d5748.jpgMatt Needle

Eu fiquei simplesmente apaixonada por esse dos chapéus feito por Maxime Pecourt. Esse rosa chiclete tá lindo demais! Pra mim é o mais bonito de todos depois do oficial lá de cima com a foto do hotel. E nos site dele é possível comprar! Aliás, acho que quase todos esses são, é só clicar nos nomes dos artistas.

Bom, eu realmente gostei muito dos cartazes e das cores principalmente. Tinha até pensado em fazer uma paleta do filme, mas as cores são tão bonitas e inspiradoras que já fizeram várias por aí.

Mas confesso que, apesar de ter curtido bastante o filme, é bem engraçado, bem encadeado, com atores maravilhosos, figurino maravilhoso, cenários maravilhosos, ele não é o meu favorito do Wes Anderson. Eu gostei, de verdade, é um filme muito bom, mas não foi totalmente 100% pra mim e não sei explicar o porquê. Talvez porque eu esteja comparando com os outros. Rushmore e Moonrise Kingdom continuam no topo da minha lista!

De qualquer forma, fica a recomendação pra quem ainda não assistiu. Vale muito a pena! E aproveite se ainda está em cartaz na sua cidade!

Boa semana pra todo mundo!

Anúncios

6 comentários sobre “Em cartaz #18: The Grand Budapest Hotel

  1. Essa é uma saudade que tenho: morar em uma cidade grande suficiente pra ter um cinema. E a cidade grande que é próxima daqui só passa filmes ruins. Sim! E quando são razoáveis, são em 3D. E eu não suporto filmes em 3D. Fim do momento desabafo, amei os cartazes. Esses dois últimos são os mais lindos, concordo contigo, só perdem pro do Hotel. O do hotel parece uma casa de bonecas vintage, não sei bem explicar… passa um ar meio misterioso e mágico. Fiquei bem curiosa pra assistir o filme, apesar de ser meio preconceituosa em filmes que tem muitos personagens interpretados por atores famosos, geralmente os que eu assisto, não são tão bons oO. E essa caracterização da Tilda, ta demais! Beijooo!

  2. Os cartazes são incríveis, mas acredito que o original é insuperável. Um que conseguiu me deixar curiosa com a historia é esse em que a parte de cima é uma campainha e embaixo uma mao segurando uma maçã eu acho.

    Sou uma pequena apaixonada pelos filmes do Wes Anderson e acho o trabalho dele uma coisa muito original, bem peculiar e cheio de identidade. Isso é tao dificil de conseguir q é impossível nao admirar o q ele faz por conta disso.

O que você pensa sobre isso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s